Blogs da Cognex

Verificação de Código de Barras Offline Versus em Processo

Offline versus inline barcode verification

Os fabricantes que imprimem ou marcam códigos de barras em produtos geralmente confiam em um verificador de código de barras para garantir que os códigos possam ser lidos por qualquer leitor de código de barras na cadeia de suprimento. Um verificador analisa um código e gera medições de acordo com os padrões da Organização Internacional de Normalização (ISO), que são importantes para entender a qualidade e a legibilidade dos códigos. O resultado é um grau de qualidade formal que inclui um valor de letra e é detalhado em um relatório imprimível ou exportável. Os códigos de barras que recebem notas de ‘aprovação’ (tipicamente nota ‘C’ ou superior) atingiram o limite mínimo aceito para desempenho e taxas de leitura na primeira passagem. O benefício da verificação sobre outras formas de controle de qualidade é que ele certifica que os códigos estão marcados corretamente e atendem ao limite de qualidade de um setor, em vez do limite de um produtor individual.

Verificação offline

A maioria dos modelos de verificadores disponíveis hoje está offline, o que significa que são modelos portáteis ou de mesa usados fora de uma linha de produção. Para acompanhar o ritmo da produção, a maioria dos produtores verifica apenas uma amostra dos códigos em qualquer lote. O padrão de amostragem é determinado pelos requisitos estatísticos de controle de qualidade dos produtores e, às vezes, pelas especificações do cliente. O problema da amostragem aleatória é que os problemas de qualidade dos códigos de barras geralmente não são detectados em tempo real. Os códigos não amostrados não estão disponíveis para exame diagnóstico após a descoberta dos problemas.

Os verificadores offline têm o benefício de serem menos dispendiosos e não requerem um processo de instalação que exige muito trabalho. Além disso, eles são fáceis de obter ao trabalhar com um código de tamanho incomum ou marcação em um substrato difícil, porque existem muitos modelos de verificadores diferentes no mercado, feitos especificamente para determinados tamanhos de código de barras e processos de marcação.

O DataMan 8072V é um verificador portátil de código de barras offline com opções de iluminação de 30, 45 e 90 graus disponíveis para capturar e classificar os códigos mais difíceis com marcação direta na peça (DPM). Relatórios detalhados mostram se os códigos cumprem os padrões da indústria e se podem ser usados para demonstrar conformidade, assim como determinar problemas de impressão e controle do processo.

Iluminação ISO do verificador portátil DataMan 8072V

 
Verificação Inline

Os verificadores inline ou verificadores instalados em uma posição fixa em uma linha de produção, têm sido tradicionalmente muito lentos para lidar com a maioria das velocidades de linha, pois o processo de verificação leva muito mais tempo do que simplesmente ler um código. Até recentemente, os verificadores inline também estavam limitados a verificar apenas códigos de barras lineares 1D. Desenvolver um verificador inline não é tarefa fácil, mas algumas empresas desenvolveram produtos que agora podem verificar códigos, incluindo códigos 2D, em velocidades muito mais rápidas.

Para que um verificador inline seja compatível com os padrões ISO, a iluminação deve estar em um ângulo específico e a uma distância específica do código. O verificador também precisa ser calibrado. Isso pode tornar a configuração mais complexa do que um verificador offline, dependendo do modelo do verificador, do procedimento do código de barras e da complexidade da linha de produção.

A verificação inline pode custar mais do que a verificação offline, mas fornece uma nota e um relatório de qualidade para cada código de barras produzido. Isso significa menos responsabilidade e menos problemas potenciais com a qualidade do código e as taxas de leitura. Ele também fornece uma notificação assim que a qualidade do código começa a diminuir, eliminando o trabalho de adivinhação de coisas como quando trocar a tinta ou as agulhas de marcação.

O verificador de código de barras inline DataMan 475V fornece verificação automatizada de alta velocidade e relatórios de qualidade diretamente em uma linha de produção. Seu acessório de iluminação de quatro quadrantes e 45 graus é compatível com os requisitos ISO para a classificação de códigos 1D e 2D. O feedback imediato e as informações visuais de diagnóstico fornecem aos operadores a capacidade de identificar e corrigir problemas de impressão e de controle de processos à medida que eles ocorrem. E relatórios detalhados podem ser gerados para rastreabilidade, controle de processo e conformidade.

Códigos de classificação do verificador de código de barras inline DataMan 475V

Escolhendo o verificador de código de barras correto

A decisão de selecionar um verificador de código de barras inline ou offline depende da resposta a algumas perguntas.

  • Quanto espaço há na linha de produção?
  • Com que rapidez os códigos estão sendo marcados?
  • Que tipo de códigos você precisa verificar?
  • Quais são os tamanhos dos códigos?
  • Em que os códigos são impressos?
  • Quais padrões ISO ou de grupo industrial precisam ser atendidos?

Nem todos os produtos comercializados como ‘verificadores’ são compatíveis com ISO, portanto, selecione um verificador que atenda aos requisitos descritos nesses padrões e gere relatórios que detalhem os resultados. Escolher um verificador offline ou inline é a escolha certa para garantir melhor qualidade, legibilidade e conformidade com os regulamentos do setor.

Mais Publicações nos

ACESSE O SUPORTE E TREINAMENTO DE PRODUTOS E MAIS

Junte-se ao MyCognex

TEM ALGUMA PERGUNTA?

Os representantes da Cognex estão disponíveis em todas as regiões do mundo para ajudar com as suas necessidades de visão e leitura industrial de códigos de barras

Fale Conosco
Loading...